Responsabilidade

Palco da Quebrada foi destaque na Gramado Summit 2023

Publicado em

17/04/2023 16h58

Compartilhe
  • Whatsapp
  • Linkedin

 

Instituto Ascendendo Mentes (IAM), que fez a curadoria do Palco da Quebrada, é o único projeto do Rio Grande do Sul acelerado pela Rede de ONGs Gerando Falcões

 

Destaque na conferência Gramado Summit, o Palco da Quebrada deu voz à favela, mostrou a importância do empreendedorismo social e da valorização de talentos vindos de comunidades. Com curadoria do instituto gaúcho Ascendendo Mentes, é a primeira vez que um evento de tecnologia e inovação no país recebe um palco exclusivo para debater o combate à pobreza e desigualdade social, visando estrategicamente fomentar e educar talentos de comunidades.

 

“O empreendedorismo social é uma alavanca de mudanças no país. O governo, o terceiro e o empresariado não mudam nada isoladamente. É a junção, com uma agenda de colaboração, que consegue derrubar muros, construir pontes e prototipar um caminho alternativo para o país. Alternativo da desigualdade e violência. São os inventores que podem fazer isso ao se unirem”, exclamou Edu Lyra, fundador e CEO da ONG Gerando Falcões (GF), a convite do Ascendendo Mentes, na palestra de abertura do evento

 

No palco, Edu Lyra e Nina Cardoso, fundadora e CEO do Instituto Ascendendo Mentes (IAM), anunciaram os próximos passos da parceria do GF e IAM no Rio Grande do Sul: a implantação do projeto “Favela 3D” – transformação das comunidades em ambientes Dignos, Digitais e Desenvolvidos – e o jantar de gala beneficente na Casa NTX em Porto Alegre, no dia 25/05.

 

“As pessoas que pisaram no Palco da Quebrada estão transformando o Brasil. São pessoas que cresceram e empreenderam dentro das favelas – contra todas as possibilidades – sobreviveram à pobreza e, hoje, a combatem com suas startups e projetos inovadores, mudando a sociedade”, salienta Nina Cardoso. “No nosso palco vivenciamos um impacto social, esperamos ter plantado sementinhas em todos que passaram pela conferência. Que todos floresçam e entendam que não é sobre ‘eles’, é sobre ‘nós’’.

 

O Palco da Quebrada contou com a participação de grandes empreendedores sociais do Brasil, como Edson Leite (fundador do Gastronomia Periférica), Amanda Oliveira (fundadora do Valquírias World) e Tuany Nascimento (fundadora do Na Ponta dos Pés).

 

2ª edição do Palco da Quebrada em 2024

Marcus Rossi, idealizador da Gramado Summit, confirmou a presença do Palco da Quebrada nas próximas edições.

 

“É papel da Gramado Summit dar palco às grandes ideias que surgem da ‘quebrada’. Nada faz mais sentido do que trazer o Ascendendo Mentes para este evento. A gente deve buscar talentos nas diversas favelas brasileiras, mostrar a potência que existe nas comunidades”, comenta o empresário .

 

Instituto Ascendendo Mentes

O Instituto Ascendendo Mentes, com operação em Porto Alegre, no bairro Glória, desde 2020, capacita mais de 180 adolescentes por ano e conta com 30 voluntários. Tem como objetivo ascender os talentos de jovens em situação de alta vulnerabilidade, moradores de periferia, por meio do acesso à educação — socioemocional, socioeconômica, cidadania e noções básicas de direito — qualificação profissional em sinergia com o mercado de trabalho.

 

O IAM atende jovens do Morro da Policia, bairro que tem um dos maiores índices de criminalidade, tráfico, drogadição e violência da capital. O Instituto é o único projeto gaúcho com apoio e patrocínio do programa acelerador da Gerando Falcões — um ecossistema de desenvolvimento social, que atua em rede para acelerar o poder de impacto dos líderes em favelas do Brasil, e tem como missão transformar a pobreza das favelas em peças de museu.